Como se Cadastrar no Bolsa Família [ Vejo o Passo a Passo ]💚

Para quem não sabe, o Bolsa Família é o maior programa de distribuição de renda do nosso país e ele tem como principal objetivo ajudar na subsistência de famílias que se encontram em situação de pobreza e extrema pobreza. No entanto, para que seja possível participar e receber o benefício, é preciso saber também como se cadastrar no Bolsa Família.

O Bolsa Família é um programa assistencial criado pelo Governo Federal com a meta de erradicar a fome do Brasil. No entanto, ainda existem muitas famílias que não participam do mesmo por mão saberem quais os passos para fazer seu cadastro corretamente.

Foi pensando justamente nisso que hoje vamos falar um pouco mais sobre como se cadastrar no Bolsa Família e outros detalhes importantes desse programa para que você saiba se pode participar e como fazer parte, basta continuar lendo e conferir todos os detalhes.

Mas antes de saber como se cadastrar no Bolsa Família…

Pois bem, antes mesmo de saber como se cadastrar no Bolsa Família é importante que você saiba se pode fazer parte desse programa de distribuição de renda, afinal, ele possui alguns requisitos bem específicos.

Claro que o programa ainda possui algumas falhas de fiscalização, afinal, o Brasil é um país enorme com uma gigantesca quantidade de habitantes. No entanto, a verdade é que existem alguns requisitos aos quais uma família tem de se encaixar para poder ser escolhida.

Mais do que isso, mesmo estando dentro desses requisitos, a prioridade é sempre para aqueles que precisam mais, o que significa que nem sempre uma família será imediatamente incluída no Programa do Bolsa Família, ficou claro?

Então, antes mesmo de saber como se cadastrar no Bolsa Família, é interessante conhecer quais são os requisitos exigidos pelo Governo para a sua concessão, veja:

  • Fazer parte de uma família extremamente pobre, cuja renda seja inferior a R$ 89 por mês por pessoa
  • Fazer parte de uma família renda mensal entre R$ 89 e R$ 178 por pessoa, mas que tenham gestantes, crianças ou adolescentes de 0 a 17 aos na sua constituição
  • Estar devidamente inscrito no Cadastro Único dos Programas sociais do Governo Federal

Mais do que isso, é essencial que as famílias que já estão inscritas no Cadastro Único mantenham seus dados atualizados constantemente a cada dois meses.

Agora sim, como se cadastrar no Bolsa Família?

Como se cadastrar bolsa família

Agora que você já sabe melhor quem pode fazer parte do Programa Bolsa Família e acha que a sua família pode ter direito a esse benefício, é chegada a hora de entender como se cadastrar no Bolsa Família.

O mais importante de tudo, para começar, é entender que sem fazer o Cadastro Único, é impossível conseguir acesso a esse benefício.

Isso porque é por meio dele que o Governo Federal consegue manter o controle sobre quais famílias devem continuar recebendo, quais as que devem parar de receber e quais as que devem começar a participar.

É por isso que o Programa Bolsa Família é considerado bastante dinâmico, visto que todos os meses famílias entram e famílias saem do Programa.

Vale lembrar ainda que a concessão do benefício vai ser feita de acordo com a quantidade de famílias que já foram atendidas no município em que você mora, visto que há uma estimativa de famílias pobres na região. isso sem falar que é importante que o Governo mantenha a concessão do benefício dentro do seu limite orçamentário.

É por isso que podemos dizer que a Inscrição no Cadastro Único não é a garantia para a entrada no Programa, mas ela é o único meio de ser selecionado.

Fique sabendo também que a seleção toda é feita por meio de um sistema automatizado, de acordo com os dados fornecidos ao CadÚnico. Assim, não existem interferências no processo e a seleção é feita de forma completamente isenta.

Então se a dúvida é sobre como se cadastrar no Bolsa Família, fique sabendo que não existe um cadastro específico para o Programa, sendo que o caminho é estar em dia no Cadastro Único e esperar que o sistema selecione a sua família.

Para fazer seu cadastro, você precisará do seguinte:

  • CPF ou título de eleitor da pessoa responsável pela família
  • CPF, título de eleitor ou RG de todos os demais componentes desse núcleo familiar

Já os documentos especificados a seguir não são obrigatórios, mas ajudam a facilitar o cadastro e a seleção:

  • Comprovante de endereço atualizado, com no máximo 3 meses
  • Comprovante de matrícula dos jovens e crianças com idade de até 17 anos. Caso não tenha como comprovar a matrícula, é interessante informar ao menos o nome da instituição de ensino
  • Carteira de trabalho dos integrantes da família que já possuem

O cadastramento é disponibilizado para todas as famílias que se encontram um situação de pobreza e depois de realizado, é preciso esperar. Caso a família seja escolhida, vai receber em casa uma carta de comunicação.

Pronto, agora você já sabe melhor como se cadastrar no Bolsa Família e poder fazer parte desse programa que vem melhorando a vida de tantos brasileiros.

Leave a Reply